quinta-feira, 18 de fevereiro de 2010

Mulheres que fazem charminho.

 É só você que tá fazendo as coisas da forma errada

Vocês gattos, precisam começar a entender nossos sinais. E parar de agir como se o mundo fosse acabar amanhã ou como se a fila fosse sempre longa demais. Nada impede que você acate o charme da gatinha, enquanto ''come'' uma menos ''charmosa'' em outro horário.

Nós mulheres, temos por direito, dever e respeito, que bancar sempre a recatadinha, respeitosa, mimisenta e tudo mais. Aquelas coisas que fazem mamãe ter orgulho, vovó colocar foto na parede, papai chamar de minha garotinha ainda, aos 30 anos. Mas, eu você e o mundo sabemos que as coisas não são exatamente assim. Sentimos sim tesão louco e desenfreado , vontade de ficar  com um ou com outro, ou até com os 2, vontade de fazer sexo com o ficante na primeira noite e etceteras absurdas

Maaaaaas, os homens não entendem, eles nunca entendem!
Gatto, atenção, parta do seguinte princípio! Se a sua mão não pudesse meeeeesmo chegar a calcinha, ela não te deixaria colocar embaixo da saia. Pode crêr. Analise atitudes e dê tempo ao tempo, talvez não hoje, mas amanhã , vai mão e tudo mais pra ''dentro''

Agora, o charme existe e é muito bem vindo SEMPRE. Mulher tem que fazer charme, faz parte do protocolo, vcs tem um protocolo que é convidar, nós temos o que é dizer não. Vocês tem de fazer o quê? convidar de novo e de novo.
-Ah, mas se ela negou a primeira vez, não está a fim!
-Ahhhh, mas se ela não está afim, pq continua no papo animadissimo com você? Acorda pra vida fofura!
(sim, claro, mulher acredita em amizade com homens, mas existem conversas e conversas. Preste atenção até onde ela vai com a conversa, se a coisa não debandar pra família, queimação de filme próprio e coisas que cortam o tesão. Certeza que ela quer, só tá fazendo doce. Aprenda a analisar os pequenos sinais, ou não tão pequenos assim)

Analisa: (Vocês não são amigos de longa data, okay) Trocaram msn numa balada qualquer, ou na faculdade ou alguma coisa assim.
Você: -Ah, mas abriu aquele barzinho mimimi
Ela: - É, fiquei sabendo, mariazinha foi e disse q é ótimo e bla bla bla cacete.
Você: - Tá a fim de ir? (não, não pense que se você dissesse a palavra ''comigo'' ao fim da frase ela entenderia de outra forma, e as coisas aconteceriam de forma diferente. Ela sacou perfeitamente o que você quer)
Ela: - É, vou falar com a Joaquina, dai a gente marca

Não fique confuso, ela só tá bancando a desinteressada, mas só tá mesmo bancando, se o desinteresse fosse real, ela diria qq coisa tipo: - Vou com uns amigos semana que vem, SE VOCÊ QUISER, vem com a gente.
Mas não é o caso, a Joaquina só vai pra ser o escudo dela na primeira noite, e pra te provar por a+b que ela é difícil. Ah, tem também outro fato: Talvez a Joaquina, nem vá. A certeza é só uma, se ela aceita e  ainda mais, se ela vai, tem desenrolo nem que seja pra próxima semana. Seguindo...

Chegando no bar. A bendita da Joaquina chegou até, primeiro que ela.(pensamento de homem: - *Huuum, Joaquina é bem gatinha, hein...*   Para menino! Foco!!!)  Espere, não se desespere. Tudo tudo tudo vai dar pé. Banque o amigão, seja engraçado (amamos homens engraçados, eu já disse) parceiragem mais pura, tenham uma noite agradável, mas: Nunca deixe de olha-la nos olhos como se quisesse comê-la na mesa. Isso claro, sem dar um pio sobre tal desejo, sem soar maldoso,  passe longe de dar idéia nela ou coisa do tipo. 
Sabe o que vai acontecer? Ela vai se sentir no meio de um mix de: Surpresa, vontade e indignação, já que estava toda crente que você passaria a noite a azarando. (cara, azarar é bem velho, hein) E que: Ou vcs ficariam, se a lábia fosse boa, ou vc seria o assunto da semana entre ela e a Joaquina e todo o clube da Lulu. ''Nossa como ele é chato, e ruim de papo e grudento''. (Dica: Não se tenta pegar mulher quando ela leva uma amiga, querido. Ela só tá te testando, te conhecendo só isso e nada mais, dificilmente ela vai ficar com você, esse dia, é o primeiro passo, para a sua queimação total de filme ou pra pegar na próxima.) Depois de hoje, é batata, ela vai puxar o próximo assunto com você, se pá te chama até para o tal bar de novo, sem o encosto da Joaquina.
 
Sim, charminho exige isso e muito mais.

É, é nosso trabalho fazer charminho, deixa a coisa mais difícil (sim claro), e muitissimo mais gostosa, para os dois lados, claro que hoje em dia tá tudo muitissimo diferente, e por conta disso, os homens estão começando a nos desvalorizar, nós eu digo: ''As meninas que fazem charminho''. Essas se dão ao valor, (Okay, é sem generalizar) sabem que o que tem pra oferecer é bem mais importante e ''valioso'' mulheres que fazem doce, merecem sim camisinha diet e tudo mais o que se tem direito. Apreciem, tenham paciência e não se arrependerão (ou se arrependerão, sim), façam as coisas da forma correta, se precisar, faz um charme também. A gente anda deixando muito de lado o charme todo que envolve a conquista e partindo rápido demais para o já é ou já era, dai é uma série de atropelos, decepções, falta de encaixe, e geralmente é irreversível. E olha, eu não tô falando de namoro longo, nem de casamento, até pq você sabe que esse definitivamente não é meu departamento, tô me referindo a uma ''ficada'' legal, quem, sabe até um sexo e pá

PS: Ando tão tão sem inspiração.
Ps2: O texto, é sem generalizar, é só o que eu acho e eu tenho uma opinião totalmente avessa a essa. Conto qualquer dia desses
Ps3: Me ajudem com novos temas, pra isso aqui não ficar mais tanto tempo as moscas, vai?!

10 comentários:

L O k o disse...

Só esqueceu de dar uma dica para as meninas que não precisa levar do começo ao fim esse "charminho", chega uma hora que cansa!

linefrare disse...

adorei! principalmente a parte em verde, e o "gatto" com t duplo! rs

Isa Diamonds disse...

Ó, acho que não sou difícil. Se eu quero, ele tbm, não há pq não dar uma chance para nos conhecermos melhor.

Bobagem esse joguinho tolo de conveniencias sociais. Claro, a guria deve ser seletiva, não sair dando mole a torto e a direito. Mas meu, nd demais se ela topar sair com o cara, rolar um fica e tals.

E assim vai levando... se não der certo, paciência.

Marcos Daniel disse...

Só esqueceu de dar uma dica para as meninas que não precisa levar do começo ao fim esse "charminho", chega uma hora que cansa!(2)
.
O linha divisória entre querer matar a guria de prazer e matar a tiros é bem fina rtsrsrs

Camila A. disse...

Meninos, vocês tem toda a razão.
O charme não pode ser eterno. Chega mesmo a hora que a graça acaba.

O linha divisória entre querer matar a guria de prazer e matar a tiros é bem fina rtsrsrs[2]
(Marcos Daniel)

Vésper disse...

Gostei muito do blog!! Li em um comentário de um post anterior que as opiões do mesmo são confusas, mas se existe alguém aí que não esteja (e nem porte teorias extremistas) por favor que se apresente, seraá extremamente benvindo no estudo das relações humanas!
Achei a discussão do charminho muito válida e muito pertinente. Acho que pra contrabalancear, poderia escrever sobre o lado reverso dessa situaçao. Algo que nossos companheiros ai de cima reclamam. Por que do mesmo modo que tem gente perdendo a linha, tem aquelas outras q vivem de frufru. E podem chegar ao perigoso ponto em que nao sabe nem dizer nao, quando o não é de verdade, e olha isso é um caso serio...
Perdoa o coment gigante!!!!

Tudo Muito Intenso disse...

Adorei seu blog e a abordagem!
vou seguí-lo!

beijinhos

ps: eu fazia charminho, hj em dia sou tão direta...talvez isso assuste...rs
=D

Tudo Muito Intenso disse...

Sou eu que escreve sim Camila!
Fico mto feliz em ter vc na minha lista!

obrigada pelo comentário

beijos

Anônimo disse...

Nunca tive nem terei o menor saco para fazer charme. Se quero cato, se não quero, dispenso logo.
Sou um ser sem paciência.
O que não quer dizer que não me valorize. Eu só dou para quem eu quero, quando eu quero. Mas sem representação.

Lili Cheveux de Feu disse...

só falta agora tu praticar isso aí, né, dona camila???

[by lu do lucks.]
rsrs.